Tempos difíceis

Quando entramos no ano 2020, tínhamos a impressão de que este ano seria maravilhoso, que iriamos escrever uma bela história.  Este ano, o tempo  parece estar correndo mais rápido.   Tantos fatos negativos,  que se sobrepõe  sobre os positivo. Estamos no segundo semestre, faltam poucos meses para uma nova mudança de ano.

Este ano que tanto prometia trouxe para nós, desastres naturais de grande magnitude. A naturesa está  cobrando os juros de uma dívida que o próprio homem criou.  A natureza está  devolvendo ao homem o  Lixo que  ele mesmo criou.  O que podemos fazer,……rezar e pedir que Deus venha em nosso  socorro.

Há um Deus que nos proteger, um pai amoroso que está sempre disponível à  a nos ouvir e perdoar. Cabe à nós  pedir o seu perdão.

Deus  nunca irá nos abandonar. Muitas vezes, é nos que nos afastamos de Deus, procurando saciar nossas vontades com coisas materiais. Assim nem percebemos que vamos cotando os laços que nos unem à Deus. Que Ele tenha compaixão de todos nós. Amém.

SOMOS

Sim, somos um barco. O nosso planeta Terra é um barco neste oceano incrível  chamado Universo.

Mas este nosso barco, esta com muitas  peças quebradas e muitas engrenagens sem a devida manutenção.  Nossos capitães  estão perdidos. Sim, porque  nosso combustíve,l  está sendo  exterminado  por muitas razões.

Vejam todos, começamos pelo meus país o Brasil: queimadas sem controle,  estiagens  longas, corrupção sem limites,  violência, saúde precária.

Este ano está realmente muito difícil, como eu escrevi, não é somente no Brasil, mas as queimadas avançaram por toda a terra, avalanches,ciclones, temporais, enchentes, deslizamentos, explorações………. e esta terrível pandemia  que não vai embora.

Será que nos falta fé? Será que nos falta amor, será que nos falta DEUS.?

Posso convidá-los à rezar, orar, enfim pedir à Deus que nos ajude. Sim está na hora deste Senhor Capitão  assumir o controle …

Ah alma

Sim,tudo o que sinto, o ar que respiro, o amor que tenho por ti.

Ah alma, tantas vezes ardente como fogueira que consome a lenha, outras tantas como rio, calmo, tranquilo.

Ah alma minha, muitas vezes magoada, triste, profunda, mas também tantas vezes alegre, faceira.

Ah, minha alma, tem momentos que não te reconheço, ficas insuportável, mas também é alegre e espalha alegria.

Ah alma querida, tantas vezes te encontrei imensa, grandiosa, e me confunde.

Ah alma, amada alma, tu sabes tudo de mim. Amada alma, quando te procuro, com zelo, carinho, compreensiva, te encontro com os braços abertos a me esperar.

Ah alma querida é neste momento que te encontro, amorosa, intensa a me esperar, aí te encontro, Deus.

Experiência com o divino

Quero aqui compartilhar as minhas experiências com o divino. Aqui, digo que todos nós temos em vários momentos de nossa vida vivenciado estas experiências, mas muitas vezes passa despercebido. Sim, passa despercebidos porque como pecadores que somos, acreditamos que isto não pode acontecer conosco. Muitas vezes são frações , outras vezes são minutos, ou sonhos, ou então simplesmente sentimos esta presenca de Deus conosco.

Não lembro o ano, mas no meu sonho; andava eu pelas vielas de Jerusalém, quando encontrei um homem, não via sru rosto, mas sim o que Ele carregava, uma cruz. Ele parou e me disse, você pode me ajudar, fiquei injuriada, e respondi você carrega a sua Cruz e eu levo a minha. Acordei com aquela sensação de peso, não só nos ombros, mas no coração. Por muito tempo, carreguei este peso. Passado alguns anos, já aqui em Curitiba, fui à missa, uma missa linda, que aqui nos domingos em uma igreja católica, das mais antigas a missa é rezada em latim. Antes da missa havia confissões, pensei vou. E fui. Após a oração inicial, quando ia desfiar o meu rosário de pecados….. surgiu aquela imagem, o Homem da Cruz, O meu peito se encheu de um calor tão intenso e chorei, só chorei. Não me recordo por quanto tempo, fiquei chorando, mas eu tenho certeza de que Ele entendeu. Foi uma das missas mais linda que participei. Saí da Igreja com o coração aos saltos e numca mais senti aquele aperto no peito, quando lembro do Homem da Cruz. Que você possa se permitir a experiência com o Divino, porque todos nós somos chamados à ser Santos.

Ao viés ou talvez

….. Eis me aqui outra vez, talvez para falar do amor. Sim o amor, mas o amor e o ódio estão separados por uma fração de segundo. Um fio de tão pouca espessura que pode se romper, ou te fazer mudar de lado sem perceber. Sim podemos amar uma pessoa, mas se ela dizer uma só palavra que magoa, este elo pode quebrar. Ah, o amor, uma palavra tão pequena, mas com um significado imensurável. Porque o tamanho do meu amor com certeza não é igual o seu. tudo depende do seu ou do meu ponto de vista. Talvez um dia o amor poderá ser medido,mas lembre-se cada ser , só dá ao outro aquilo que recebeu. Por este motivo, nunca tente comparar o seu amor com o do outro, mas receba este amor com carinho.

Ah o amor

Desafio

Com esta pandemia a depressão fica mais forte é difícil de combater, mas com a graça e o amor de Deus é possível seguir em frente.

Desafio  vc que está  lendo este  post  e que é  católica de compartilhar fotos  da Igreja de sua paróquia ou cidade. Pode ser um vitral, via Cruz, detalhes de sua arquitetura ,vamos valorizar esta manifestação de Deus em forma de arte.

Eu estou começando com pequena parte da via sacra e vitrais do Santuário Nossa Senhora da Guadalupe. Curitiba, Paraná

Senhor

Pai amado, mais um  mês findou e já estamos no mês de agosto. Este é o tempo que vivemos, onde vemos e sentimos o tempo escorrer entre os dedos, e como que paralizados, e impotentes só podemos esperar. Pai amado, tem me faltado, crer,entregar, amar,  parece tão simples, mas não é. Isso  tudo tem me feito  sentir uma angústia que é difícil expor em palavras, meu português não consegue alcançar. Mas Tu pai amador sabes o que passa em meu coração. Te agradeço pois com o teu apoio e amor ainda estou de pé ,mas te peço Senhor, que continue à iluminar meu caminho e que sejas a rocha em que firmo meus pes. Te amo Senhor.